domingo, 13 de novembro de 2011

As vezes apetecia me que me entendesses sem me explicar, e eu sei que ninguém deve exigir isto. Mas por vezes tenho vontade de gritar, de gritar tão alto até tu me entenderes. Até tu entenderes que sem ti a minha vida não faz mais sentido. As vezes escondo-me de ti. As vezes escondo-me só porque eu não quero gostar de ti não desta maneira. Nao quero amar-te, nao te quero ter sem te ter. Quero gostar de ti saudavelmente 

Sem comentários:

Enviar um comentário